Home Notícias Ciência para a cura espiritual

Ciência para a cura espiritual

Por que sofrem as pessoas? Por que o suicídio se tornou um flagelo da humanidade, que gera uma vítima a cada 40 segundos no mundo e uma a cada 30 minutos no Brasil? Será que a ciência poderia transformar seus paradigmas para compreender o indivíduo também sob o ponto de vista espiritual e ajudá-lo no seu tratamento psíquico, restabelecendo-lhe a saúde? Será que os espíritas sabem que eles têm a missão de promover a saúde?

Todos esses questionamentos foram levantados em agosto pelo psiquiatra Dr. Sérgio Felipe de Oliveira, durante o 12º Simpósio de Estudos e Práticas Espíritas de Pernambuco (Simespe). O especialista, doutor em Neurociências, mestre em Ciências pela Universidade de São Paulo (USP), mostrou-se indignado com o fato de a maioria dos centros espíritas desconhecerem que o estado de transe e de possessão já é reconhecido pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como um transtorno dissociativo.

“Segundo o F44.3, o código internacional de doenças, estados de transe e possessão representam a perda de identidade, numa situação que a pessoa não tem controle”, disse Sérgio Felipe no evento. “Mas deixa de ser doença quando a pessoa tem controle do fenômeno dentro do seu contexto cultural ou religioso”. 

Isso significa que a pessoa que aprende a dominar a sua sensibilidade e ter controle do fenômeno mediúnico, mantendo o seu tratamento com terapia e medicação, é capaz de reconquistar a saúde. Aos poucos, vai deixando de lado a medicação e atinge o equilíbrio físico, psíquico e espiritual. Os centros e hospitais espíritas têm papel fundamental nesta empreitada. “Ouvir vozes e ver espíritos não é motivo para tomar remédio de faixa preta pelo resto da vida”, já disse Sérgio Felipe. 

O Instituto Espírita Cidadão do Mundo (IECIM) está mais do que consciente dessa realidade e da responsabilidade dos espíritas nessa nova visão da medicina. Por isso, em outubro, tiveram início as obras para a construção do Hospital de Restauração. “Trata-se de um centro de terapia intensiva que irá auxiliar doentes que sofrem de obsessão ou auto obsessão, de forma a modificar o seu modo de agir e pensar, restaurando o seu equilíbrio”, diz Laerson Cândido de Oliveira, dirigente do IECIM. O novo centro deve ser aberto no bairro do Butantã, zona oeste da capital paulista, em fevereiro, quando o IECIM completa 20 anos (leia mais na pág. 4). 

Mas além dos males do espírito, há males mais imediatos, como a fome. Por isso, o IECIM deu início à Campanha de Natal 2017, com o objetivo de distribuir 6 mil cestas (leia mais na pág. 3). Os produtos serão doados para famílias cadastradas nas unidades do IECIM Butantã (1,5 mil cestas), IECIM Peruíbe (1,5 mil), IECIM Santana de Parnaíba (1,5 mil) e Casa do Caminho de Ibiúna (500). Também serão doadas 1 mil cestas básicas para a Aldeia Araçá-Mirim em Pariquera Açu, a 219 quilômetros da capital paulista. Participe!





Translate
English French German Italian Russian Spanish
NATAL COM JESUS


Para realizar mais um Natal com Jesus, precisamos de sua colaboração!

Em 18 anos de trabalho, o IECIM já distribuiu mais de 52.000 cestas básicas para famílias carentes de São Paulo.

Sua ajuda faz diferença!

 Obrigado e que Jesus o abençoe!


Doações
Banner
Pesquisar
Facebook
Popular
Direitos Autorais

Amigos, nossas postagens, fotos, estudos, vídeos e outras publicações são recebidas de amigos ou autorizadas pelos seus responsáveis. Primamos pela ética e o respeito aos Direitos da Propriedade Intelectual. Se você é proprietário de algum material publicado neste site, por favor, informe para que possamos legalizar a divulgação ou proceder a sua imediata retirada. Clique aqui.